Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > Geral > CMA alerta sobre ocorrência de baleia jubarte no litoral
Início do conteúdo da página

CMA alerta sobre ocorrência de baleia jubarte no litoral

Publicado: Terça, 02 de Julho de 2019, 16h49
As baleias jubarte vem aumentando consideravelmente no litoral do Brasil, principalmente, em São Paulo, desde 2012.

baleia mergulho
Baleia realiza mergulho e surpreende banhistas em Santos, SP, no último domingo.  (Foto: Reprodução/Adriana Rodrigues)

No último domingo (30), mais uma baleia jubarte foi flagrada no litoral paulista, próximo de Santos. Uma banhista filmou a baleia dando um salto no mar. A ocorrência de baleias jubarte vem aumentando consideravelmente no litoral do Brasil, principalmente, em São Paulo, desde 2012. A informação é do Centro Nacional de Pesquisa e Conservação de Mamíferos Aquáticos (CMA), do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), que tem sede em Santos/SP.

Segundo os pesquisadores, elas migram todos os anos da Antártica para a nossa região na temporada de reprodução de maio a novembro. A população já foi quase extinta, mas aumentou nas últimas décadas, graças aos vários esforços de conservação feitos e ainda à proibição de sua caça (Lei n. 7.643 de 1987). Mas a baleia jubarte ainda é uma espécie na categoria de quase ameaçada de extinção.

Apesar das baleias estarem se aproximando da costa, é preciso ter atenção, pois muitas vezes elas podem ser confundidas com cardumes de peixes. No caso de avistamento efetivo de baleias em situação de perigo, como em canais (por exemplo, na entrada do Porto de Santos) ou presas em redes de pesca, ligar para o telefone 0800 – 642 3341 (PMP Bacia de Santos). O CMA alerta que, no caso de enredamentos de baleias, em hipótese alguma, a pessoa deve ajudar, mas avisar as autoridades.

Recomendações gerais ao avistar baleias (e golfinhos), conforme a legislação:

*Mante-se afastado em, no mínimo, 100 metros de cada animal, mantendo o motor da embarcação ligado, em ponto neutro. Mesmo a essa distância, não permanecer mais do que 30 minutos na proximidade dos animais.

*Se o motor estiver desligado, só religar quando avistar claramente os animais na superfície.

*Não avançar na direção dos animais e não se posicionar por trás deles, permanecer somente em posição lateral.

*Não perseguir, interromper ou tentar alterar o curso (movimento) dos animais.

*Não penetrar em grupos de animais (não dividi-los ou dispersa-los).

*Manter o silêncio (não produzir ruídos excessivos, inclusive música) a menos de 300 metros dos animais.

*Jamais nadar ou mergulhar próximo a estes animais, pois um movimento deles pode causar acidentes fatais.

*Não despejar qualquer tipo substância, material ou resíduo no mar.


Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) relacionados:
14 Vida na água 150


Comunicação ICMBio
(61) 2028 9280
registrado em: ,
Fim do conteúdo da página